Drogas de potência estão disponíveis em diferentes doses, então o especialista deve escolher o mais adequado (se os efeitos não forem satisfatórios, você pode aumentar a dose de medicação após a consulta médica). Existem muitos fatores responsáveis ​​pela disfunção erétil, onde alguns deles são totalmente dependentes de seres humanos e, infelizmente, os homens não são mais afetados. Uma coisa é certa, a impotência não significa o fim da vida, porque pode ser curada, ajuda o seu desempenho sexual com a ajuda de muitos produtos e preparações disponíveis no mercado.

A impotência é manifestada pela falta de ereção de homens de todas as idades, porque a disfunção erétil se encontra com homens jovens, homens de meia-idade e, é claro, homens mais velhos. Existem muitas causas da doença e elas devem ser consideradas caso a caso. No entanto, durante muitos anos, a impotência não significa o fim da atividade sexual para os homens, porque os agentes farmacológicos são o método mais eficaz que permite que você viva com uma mulher mesmo depois dos 70 anos!

Problemas de ereção estão alguns anos à frente do infarto do miocárdio

A eficiência sexual não é apenas um indicador do estado da relação de parceria, mas também um indicador confiável de problemas no funcionamento do sistema cardiovascular. Especialmente lesões ateroscleróticas, já em um estágio inicial, podem levar à disfunção erétil em homens e disfunções sexuais em mulheres.

“O sistema cardiovascular e o desempenho sexual são” vasos conectados “. A disfunção sexual pode, em muitos casos, ser um sinal precoce de desenvolvimento de doença cardíaca. Esta é uma dica muito importante para quem ainda não teve um derrame, mas já se queixa de problemas de ereção”.

O que comer para a potência?

A importância da dieta para melhorar as ereções

Uma dieta que é adequadamente selecionada tem um duplo significado para sua vida íntima. Em primeiro lugar, promove a preservação do desempenho sexual por mais tempo. Em segundo lugar, ajuda o desempenho sexual e evita que os problemas se agravem.